Inicio

Desespero: Avião que levava Amado Batista faz pouso de emergência; aeroporto estava fechado.


Publicado em 13 do 05 de 2019 por Giovani Benedito de Sousa

O avião que transportava Amado Batista para um show, teve problemas e precisou fazer um pouso de emergência, porém o aeroporto estava fechado e escuro, foi preciso o uso de veículos para iluminarem o local e ser possível a operação.

O pouso aconteceu em Jequié, estado da Bahia, e foi na noite deste domingo passado, dia 12. Ninguém se machucou, mas o susto foi grande, o aeroporto estava fechado e não tinha iluminação, receita pronta para uma tragédia, mas felizmente não aconteceu. Amado Batista acabou fazendo o show sem maiores incidentes num clube local.

Amado Batista — Foto: Divulgação

A prefeitura da cidade comunicou que o avião chegou no aeroporto Vicente Grillo, após o sol se pôr, nesse horário a pista já está fechada, e não possui iluminação, o pouso a noite é considerado proibido no local.

Foi preciso que se levassem carros até o local, e juntos com o farol ligado conseguiram iluminar a pista para ajudar o piloto no pouso, como mostra imagens e testemunhas oculares, O site G1 entrou em contato com a assessoria do artista, mas foi informado que nem eles nem o cantor falariam dariam entrevistas sobre o ocorrido.

A prefeitura de Jequié por sua vez, afirma que os pilotos sabem que o aeroporto não recebe pouso ou decolagens a noite. Em comunicado oficial a prefeitura diz que informação é de conhecimento básico para os pilotos segundo a Anac, e que ao tentar o pouso em condições de pouca iluminação ou falta dela, o piloto chama para si a responsabilidade pelo que vier a ocorrer, e em caso de emergência tem que ser investigado o que houve para ser provado que não foi imprudência. A prefeitura informa que a Anac será informada do caso.

Avião com Amado Batista faz pouso e emergência em Jequié — Foto: Reprodução/TV Bahia

Essa é a terceira vez que acontece alguma coisa do tipo com aeronaves de Amado Batista. No ano de 2012 um de seu avião teve que pousar numa rodovia, a BA-262, em Aracatu. Na ocasião haviam 11 pessoas a bordo, eles não sofreram ferimentos e o artista não estava presente.

No ano passado, 2018, novamente outro acidente voltou a rondar Amado Batista, ele ia para uma apresentação em Vitória da Conquista, também no estado da Bahia, e foi preciso realizar um pouso de emergência. Na época a Anac disse que a aeronave seria interditada porque aparentemente era um táxi-aéreo clandestino.